Imprimir

Oficinas de escrita - apresentação

ligado . Publicado em Oficinas de escrita

Escrita e leitura são indissociáveis. Uma não vive sem a outra e todos recorremos a ambas.

Sendo assim e tendo em conta que o objetivo primeiro das bibliotecas é promover a leitura, fazer leitores, parece-nos que uma estratégia válida será o recurso a oficinas de escrita, levadas a terreno em trabalho colaborativo com os professores de português.

Pretende-se sair do ambiente mais formal da sala de aula e introduzir elementos criativos suficientes estimuladores das capacidades de escrita que, nalguns casos, os alunos ainda não conhecem.

Com os mais novos, as oficinas não oportunidades para fazer das palavras um jogo, um trocadilho, uma rima, um ritmo, uma melodia.

À medida que crescem e se transformam em adolescentes, os alunos passam a usar a leitura e a escrita como formas de pensamento, através das quais se exprimem e afirmam no mundo. Nesta medida, o ato da escrita e a relação com a leitura evoluem para a reflexão pessoal e a descoberta interior. Nestes casos, as oficinas de escrita contribuem para o processo de descoberta do eu.

Vão reparar que predominam oficinas de escrita poética. Acontece assim por duas razões:

1. Os alunos, têm oportunidade de exercitar o tipo de texto que têm mais dificuldade em escrever

2. A poesia é, na opinião da equipa das bibliotecas do Agrupamento, a forma perfeita para dizer o mundo.